Seguidores

:: LINK-ME ::


12 de mar de 2011

DOCE CANTAR - Cecilia Meireles


Tão liso está meu coração,
tão lisos, meus pensamentos,
que as lágrimas rolarão,
e os contentamentos.
Folhas verdes e encarnadas
tão lisas nunca serão,
nem orvalhadas.
Nunca serão as espadas
lisas como o meu coração,
mas grossas e enferrujadas.
E aos meus lisos pensamentos
nunca se compararão
nem luzes nem ventos.
Que as imagens e os momentos
rugas sempre são.

(Cecília Meireles)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE O SEU COMENTÁRIO